top of page
  • acesabacabal

Agroecologia: Mitigação Climática na Amazônia com a Tecnologia “Barraginha”



A Associação Comunitária de Educação em Saúde e Agricultura (Acesa), juntamente com o Grupo de Estudos: Desenvolvimento,Modernidade e Meio Ambiente (GEDMMA), a Associação Agroecológica Tijupá, Justiça nos Trilhos e a Rede de Agroecologia do Maranhão (RAMA), estão encaminhando um projeto de adaptação às mudanças climáticas na região amazônica. Intitulado "Barraginhas como estratégia de fortalecimento da adaptação de sistemas agroecológicos às mudanças climáticas na Amazônia", o projeto promete ser um apoio às comunidades nos desafios da mitigação climática.


Foi publicado em nosso canal do YouTube (@ACESAeco), uma fase importante da implementação do projeto. O vídeo destaca o protagonismo de Wesley do Nascimento, um jovem agricultor de 22 anos da comunidade Vila Bom Jesus, localizada em Lago Verde, Maranhão, que também é associado da ACESA. Wesley está envolvido na implementação das "barraginhas", que é um sistema de contenção de água da chuva projetado para capturar o excesso de água, controlar a erosão do solo e melhorar a infiltração da água, alimentando assim o lençol freático. Essa iniciativa promove a resiliência climática, o manejo sustentável dos recursos naturais, complementado pelo cultivo de plantas nativas, trabalho de base agroecológica, contribuindo para a conservação da biodiversidade da região. Assista ao vídeo aqui.



Wesley é acompanhado por outras 20 famílias da comunidade. Atentas e atentos a todo o processo de implementação das barraginhas, essas famílias compartilham o compromisso de compreender todo o processo e, no futuro, aplicar essa tecnologia em suas Unidades Produtivas. Além disso, o GEDMMA, que é um grupo de pesquisadoras e pesquisadores ligados à Universidade Federal do Maranhão, está envolvido no projeto, coletando dados científicos para validar a eficácia desse sistema e contribuir para o avanço da agroecologia no Maranhão.



O projeto "Barraginhas como estratégia de fortalecimento da adaptação de sistemas agroecológicos às mudanças climáticas na Amazônia" é um exemplo concreto de como a agroecologia pode ser uma ferramenta poderosa na proteção das florestas da Amazônia e na promoção de ações climáticas significativas. Essa iniciativa reflete os esforços da coalizão e se alinha perfeitamente com os objetivos dos apoiadores, como a Iniciativa BASE e a Fundación Avina.


A Acesa, Tijupá, Justiça nos Trilhos, GEDMMA e a RAMA demonstram que a mitigação climática pode ser eficaz e também motivadora, especialmente quando as comunidades locais, as instituições de pesquisa e as organizações da sociedade civil se unem para enfrentar os desafios ambientais. Este projeto representa mais do que um avanço na adaptação climática; ele é um exemplo da força da colaboração e da inovação baseada em evidências.


Convidamos a todas e todos a acompanharem este projeto e a saberem mais sobre como as "Barraginhas" estão se tornando uma parte essencial na luta pela proteção da Amazônia.






27 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page